quarta-feira, 25 de novembro de 2009

LDU X FLUMINENSE REVANCHE OU NÂO

Exatamente um ano e cinco meses depois, o Fluminense tem a chance de reescrever a história. No dia 25 de junho de 2008, o Tricolor começava a decidir contra a LDU, no Estádio Casablanca, em Quito, o título da Taça Libertadores da América. Nesta quarta-feira, às 21h50m (de Brasília), o troféu em disputa é o da Copa Sul-Americana, e os brasileiros entram em campo escaldados para que não se repita o trágico placar de 4 a 2, que praticamente decretou a derrota na decisão do ano passado.

Apesar das coincidências e do sentimento de revanche que tomou conta de parte da torcida carioca, o ambiente pacífico que recepcionou o Flu na capital equatoriana joga para longe qualquer clima de guerra para a partida. Até porque são poucos os remanescentes do último encontro com “La Liga”. Do lado brasileiro, apenas Conca inicia a partida, enquanto Norberto Araújo, Calle e Bieler, do rival, remetem o torcedor tricolor à trágica noite de 2 de julho no Maracanã.

O “maior estádio do mundo” será novamente palco de uma decisão continental entre Fluminense e LDU na quarta-feira seguinte, dia 2 de dezembro, e, como sempre acontece em competições organizadas pela Conmebol, o gols marcados fora de casa não terão influência na definição do campeão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
BlogBlogs.Com.Br